20 de junho de 2021

Últimas convenções definem candidatos

 Últimas convenções definem candidatos

Roberto Rocha e Maura Jorge são os últimos a oficializarem as candidaturas (Foto: Reprodução)

Roberto Rocha e Maura Jorge são os últimos a oficializarem as candidaturas (Foto: Reprodução)

O senador Roberto Rocha (PSDB) e a ex-prefeita de Lago da Pedra Maura Jorge (PSL) serão oficializados neste sábado, 4, em convenção dos seus partidos, candidatos ao Governo do Estado. Eles se juntam a Flávio Dino (PCdoB), Roseana Sarney (MDB), Odívio Neto (PSOL) e Ramon Zapata (PSTU), totalizando seis postulantes ao principal cargo político do estado.

Roberto Rocha avançou bem nos últimos dias antes da convenção e conseguiu a adesão do deputado estadual Eduardo Braide (PMN), que ocupava a terceira posição nas pesquisas como pré-candidato a governador, e do PHS, partido que tinha o Coronel Monteiro como pré-candidato.

Apesar do apoio do PHS causar revolta em Monteiro, que saiu atirando da disputa, a articulação de Roberto Rocha o consolidou como opção de terceira via ao debate que vinha se polarizando entre Flávio Dino e Roseana Sarney. Tanto que até o fechamento desta edição ainda existia uma articulação para que a exprefeita Maura Jorge também se alie ao candidato tucano, possibilidade negada pelos assessores da candidata pesselista.

Ontem, na convenção de Eduardo Braide – que vai disputar agora uma vaga na Câmara Federal -, o candidato do PSDB foi ovacionado por partidários do PMN e do PHS. Além deles, o PSDB deve ter o apoio do Podemos e da Rede Sustentabilidade. O tucano deve anunciar apenas hoje o seu companheiro de chapa e os dois candidatos a senador de sua coligação.

Isolada
A ex-prefeita Maura Jorge também confirmou convenção para o último fim de semana do prazo. Mas ela chega isolada ao encontro do partido, depois de ser cogitada por diversas legendas. Apenas o PRTB confirmou coligação com o PSL. Maura terá como vice o coronel PM Roberto Filho, mas até ontem apenas um candidato a senador havia sido apresentado, o empresário Samuel de Itapecuru (PSL).

Candidata do mesmo partido de Jair Bolsonaro, segundo colocado na disputa pela Presidência da República, Maura Jorge sofre do mesmo problema do seu presidenciável: a falta de tempo na propaganda eleitoral, que começará no dia 16 de agosto. Somados os tempos do PSL e do PRTB ao que será disponibilizado igualmente a todos os candidatos, a ex-prefeita deve alcançar, no máximo, 15 segundos, divididos em dois programas diários.

Para suplantar esta dificuldade na mídia tradicional, Maura vai centrar fogo nas redes sociais e em aplicativos de troca de mensagens, onde já vem tendo bom desempenho desde a pré-campanha. A ideia é usar as estruturas digitais também de candidatos a deputado e se apresentar diariamente ao eleitor.

Leia mais notícias em RadioNoticiaMaranhao.com.br e siga nossas páginas no Facebook, no YouTube e no Instagram. Envie informações à Redação do Rádio Notícia Maranhão por WhatsApp pelo telefone (98) 98770 3557.

0 Reviews