23 de abril de 2021

Três abrem mão de disputar o governo

 Três abrem mão de disputar o governo

Eduardo Braide, Coronel Monteiro e Ricardo Murad (Foto: Reprodução)

Eduardo Braide, Coronel Monteiro e Ricardo Murad (Foto: Reprodução)

Pré-candidatos apresentados des­de o início de 2018, o ex-secretário Ricardo Murad (PRP), o deputado estadual Eduardo Braide e o coronel do Exército Monteiro Segundo abriram mão da disputa ou tiveram que renunciar à candidatura às vésperas do fim do prazo das convenções. De uma forma ou de outra, todos eles alcançavam bom desempenho na pré-campanha, seja em forma de intenção de vo­tos, seja pela efetividade nas redes sociais.

Primeiro a decidir não mais concorrer ao governo, o ex-secretário Ricardo Murad anunciou seu apoio à ex-governadora Roseana Sarney. Ele vai disputar uma vaga de deputado federal, liderando a chapa proporcional do PRP. Ricardo é um dos maiores antagonistas do governo Flávio Dino, com participações diárias nas redes sociais.

Outro que tinha boa participação política era o deputado estadual Eduardo Braide. Mesmo sem afirmar se disputaria o governo, ele ocupou a terceira posição em todas as pesquisas de intenção de votos realizadas desde 2017. Após vários encontros e desencontros sobre suas alianças, Braide anunciou on­tem seu apoio ao senador Roberto Rocha.

O coronel Monteiro aparecia bem nas redes sociais como nome do presidenciável Jair Bolsonaro no Maranhão, embora nunca tenha aparecido acima de 1% nas pesquisas de intenção de votos. Ele, que já havia perdido o posto de Bolsonarista para Maura Jorge, perdeu também a condição de candidato do PHS, que decidiu aliar-se a Roberto Rocha na última quinta-feira, 2. Irritado, Monteiro anunciou que não iria disputar nenhum cargo nestas eleições.

Leia mais notícias em RadioNoticiaMaranhao.com.br e siga nossas páginas no Facebook, no YouTube e no Instagram. Envie informações à Redação do Rádio Notícia Maranhão por WhatsApp pelo telefone (98) 98770 3557.

0 Reviews