4 de abril de 2020

Superclássico vale liderança do Maranhense

 Superclássico vale liderança do Maranhense
Rubro-negros e tricolores estão igualados no número de pontos conquistados (Foto: Lucas Almeida/ L17 Comunicação)

Sampaio Corrêa e Moto Club realizam hoje, sábado (7), a partir das 16h30, o jogo mais esperado deste primeiro trimestre de 2020 no futebol maranhense. Isso se justifica não apenas pela grande rivalidade existente, mas pelo tamanho das duas maiores torcidas do Estado. O jogo vale pela primeira fase do Campeonato Estadual.

Igualados no número de pontos conquistados (10) rubro-negros e tricolores fazem um jogo que deixará o vencedor isolado na liderança e com vaga consolidada na semifinal da competição, sem depender dos resultados das duas partidas que ainda tem a disputar o Imperatriz, hoje com nove pontos. Convém lembrar que o regulamento prevê a classificação dos dois primeiros da primeira fase mais dois que sairão de um torneio de repescagem e que irão à semifinal.

Ataque x defesa

Na partida desta tarde vamos ter um desafio entre o melhor ataque (Sampaio) e a defesa menos vazada (Moto). Enquanto o setor ofensivo tricolor fez 13 gols, a defesa motense sofreu apenas um no jogo contra o Pinheiro, ou seja, é a melhor de todo o campeonato. A retaguarda boliviana já deixou passar três bolas. Hoje, Wállace, que saiu lesionado no jogo diante do Fluminense-RJ, tem retorno garantido na zaga rubro-negra. Não haverá alteração nas duas laterais, que seguirá com Denílson na direita e Wesley na esquerda. A única dúvida do técnico Dejair Ferreira ainda é no ataque, entre Gleydisson, recém-contratado, e Jeorge Hamilton.

Duelo dos técnicos

Outro detalhe interessante é o duelo dos dois jovens treinadores. Júnior Amorim (Sampaio) e Dejair (Moto) foram recentemente efetivados nos cargos e farão o primeiro confronto no comando de suas equipes. Eles sabem da importância de uma vitória e as consequências de uma possível derrota por eventual goleada. Por isso, cada um cuidou de sua estratégia durante os treinamentos da semana. Amorim até chegou a fechar os portões do CT para a imprensa a fim de realizar treinos secretos. O atacante Mateus Lima está em condições de ser escalado. Na defesa, Paulo Sérgio cumpriu suspensão e deve retornar.

Invencibilidade

O Tricolor não ganha o clássico desde 2017. São quatro jogos três vitórias do Moto e um empate. No dia 13 de maio daquele ano, os tricolores venceram por 2 a 1. 

Nas três últimas partidas válidas pelo Estadual houve um empate por 1 a 1, em 3 de fevereiro de 2018, e duas vitórias do Rubro-Negro, dias 9 e 17 do mesmo mês pelo placar de 1 a 0. Algumas goleadas aconteceram na história do Superclássico. Logo no primeiro jogo, no dia 14 de julho de 1940, o Tricolor aplicou uma goleada no adversário por 7 a 2. A vingança rubro-negra veio cinco anos depois: 7 a 0, no dia 1º de abril de 1945. Em seguida, o Papão voltou a golear o Tubarão por 7 a 2, no dia 16 de maio de 1948: 7 a 2. Os números são do matemático Manoel Martins.

Leia mais notícias em RadioNoticiaMaranhao.com.br e siga nossas páginas no Facebook, no YouTube e no Instagram. Envie informações à Redação do Rádio Notícia Maranhão por WhatsApp pelo telefone (98) 99121 5205.

Digiqole ad

0 Reviews