15 de junho de 2021

Série B: Sampaio perde para o CRB por 2 a 1

 Série B: Sampaio perde para o CRB por 2 a 1

Em duelo no Estádio Rei Pelé, o Sampaio Corrêa foi derrotado pelo CRB. (Reprodução / Twitter do Sampaio Corrêa FC)

Em duelo no Estádio Rei Pelé, o Sampaio Corrêa foi derrotado pelo CRB. (Reprodução / Twitter do Sampaio Corrêa FC)

De astral renovado pela vitória fora de casa sobre o Paysandu, o Sampaio Corrêa encarou, na noite desta sexta-feira (31), a segunda partida consecutiva como visitante contra um rival na briga contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro Série B. Diante do CRB, a Bolívia Querida tentou impor o seu ritmo de jogo, mas não conseguiu repetir as boas atuações das rodadas anteriores e foi derrotada por 2 a 1 pela equipe alagoana, em duelo disputado no Estádio Rei Pelé.

Antes que o cenário da partida se desenhasse no Rei Pelé, o CRB abriu o placar: logo aos cinco minutos, Neto Baiano arriscou um chute forte em cobrança de falta e fez o primeiro gol do Galo da Pajuçara. O Sampaio Corrêa até equilibrou o jogo e conseguiu o empate aos 19 minutos do segundo tempo, com o lateral Julinho, mas Paulinho, também de falta, garantiu a vitória do CRB aos 37.

A derrota no confronto direto manteve o Sampaio Corrêa em situação delicada na Série B. Com apenas 21 pontos em 24 partidas, o Tricolor permanece na penúltima colocação da competição nacional, a cinco pontos de deixar o Z4. Já o CRB, também ameaçado pela degola, chegou aos 28 pontos e subiu para a 13ª posição.

Após duas partidas consecutivas como mandante, o Sampaio Corrêa volta a jogar diante de sua torcida na próxima rodada da Série B. O oponente da Bolívia Querida será o Brasil de Pelotas, em duelo que será disputado na próxima terça-feira (4), às 21h30, no Estádio Castelão, com transmissão da rádio Mirante AM e cobertura completa do Imirante Esporte. Na mesma data, mas às 19h15, o CRB enfrenta o Avaí no Estádio da Ressacada, em Florianópolis.

O jogo

Mesmo jogando fora de casa, o Sampaio Corrêa não se intimidou com a pressão da torcida do CRB e criou a primeira oportunidade de gol no Rei Pelé. Logo aos dois minutos, Jocinei avançou pelo meio-campo, arriscou um chute forte e quase abriu o placar para a Bolívia Querida. A tentativa do Sampaio, entretanto, não assustou a equipe alagoana, que respondeu com estilo: aos cinco minutos, o atacante Neto Baiano cobrou falta de muito longe e acertou o canto esquerdo de Andrey. Já aos 16, o CRB teve a chance do segundo gol, mas a conclusão do zagueiro Anderson Conceição foi para fora.

O gol no início da partida animou o CRB, que esboçou uma pressão com jogadas pelas laterais e neutralizava os avanços do Sampaio Corrêa com uma forte marcação no meio-campo. Apesar do domínio, os alagoanos sofriam para chegar com perigo ao ataque: aos 29, Mazola tentou a finalização e acertou a defesa tricolor.

Com o passar do tempo, o jogo perdeu um pouco de emoção. Mais tranquilo, o Sampaio Corrêa ganhou mais tempo com a posse de bola, mas não conseguia transformar essa vantagem em pressão. A última oportunidade de gol do Tricolor na primeira etapa saiu dos pés de Jocinei, que cobrou falta aos 41 minutos e obrigou João Carlos a afastar a bola pela lateral.

Sampaio arranca empate, mas CRB volta a marcar de falta

A segunda etapa começou no mesmo ritmo lento dos últimos minutos do primeiro tempo, com o Sampaio Corrêa tendo maior posse de bola e esboçando alguns avanços ao campo de ataque. Principal nome do meio-campo tricolor, Jocinei fez grande jogada individual aos 10 minutos e tentou a finalização, que passou muito perto do gol de João Carlos.

Como o CRB pouco ameaçava, o Sampaio Corrêa continuou crescendo na partida e não demorou a marcar o gol de empate. Aos 19 minutos, Jocinei cobrou escanteio, Julinho se antecipou aos marcadores da equipe alagoana, fez o desvio de cabeça e mandou a bola no canto direito de João Carlos, deixando tudo igual no Rei Pelé.

Animado com o gol de empate, o Sampaio Corrêa foi ao ataque e pressionou o CRB em busca da virada. Jocinei, aos 32 minutos, teve a chance do segundo gol em cobrança de falta, que foi defendida por João Carlos. Quando a virada tricolor parecia questão de tempo, o CRB mostrou sua força: aos 37 minutos, Paulinho cobrou falta no ângulo e recolocou os alagoanos em vantagem. O Sampaio ainda tentou o gol de empate, mas o CRB segurou a vitória em casa.

FICHA TÉCNICA

CRB: João Carlos; Edson Ratinho, Everton Sena, Anderson Conceição e Paulinho; Claudinei, Lucas (Feijão) e Marcelo; Mazola (Iago), Willians Santana (Elias) e Neto Baiano. Treinador: Doriva

SAMPAIO CORRÊA: Andrey; Luis Gustavo, Rogério, Maracás e Julinho; Willian Oliveira, Jocinei (João Paulo) e Fernando Sobral; Matheusinho, Bruninho (Eloir) e Uilliam (Alisson Mira). Treinador: Paulo Roberto

Leia mais notícias em RadioNoticiaMaranhao.com.br e siga nossas páginas no Facebook, no YouTube e no Instagram. Envie informações à Redação do Rádio Notícia Maranhão por WhatsApp pelo telefone (98) 98770 3557.

0 Reviews