8 de maio de 2021

Saúde masculina é destaque no ‘Todos por São Luís’

 Saúde masculina é destaque no ‘Todos por São Luís’
A ação teve ainda serviços na área da Atenção Básica à saúde (Foto: José Pedro/Divulgação)

Uma ação voltada para a atenção especial à saúde masculina foi base de uma edição do programa ‘Todos por São Luís’, realizada neste sábado (18), no Centro de Especialidades Médicas (CEM) do Filipinho. O evento é faz parte da Campanha Novembro Azul, que é focada na prevenção do câncer de próstata e pênis.

Nesta edição, foram oferecidos serviços específicos, como consultas com médicos especialistas em urologia, proctologia, cardiologia, aferição de pressão, diabetes, entre outros.

A coordenadora do ‘Todos por São Luís’, Camila Braga, reforçou a proposta dessa edição especial da ação. “Nosso objetivo é conscientizar os homens para a importância do cuidado com a saúde. Percebemos que houve uma grande mobilização do público masculino para participar das atividades e se beneficiar com os serviços. Isso demonstra a importância de ações como essa”, ressaltou a primeira-dama.

O secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, acompanhou a execução das atividades e reforçou a proposta do programa e dessa edição especialmente voltada para os homens. “Há um mito de que homem não cuida da saúde, mas essa movimentação demonstra que esse público está cada vez mais interessado em se cuidar. Essa é uma ação que fortalece a sensibilização nos homens e visa à conscientização para a prevenção de doenças”, enfatizou o secretário.

O evento é faz parte Campanha Novembro Azul (Foto: Flávio Chocolate / Rádio Notícia Maranhão)

Este ano, a participação dos homens na campanha cresceu. Para a urologista Patrícia Canelas, o aumento da participação dos homens é decorrente das informações que estão sendo passadas pelas campanhas.
“Houve uma expectativa e participação muito alta pelos homens, e eu acho que isso é decorrente de toda a campanha que está sendo feita em relação a propagação das informações sobre os malefícios da falha na questão da prevenção. A partir do momento em que o homem é informado, ele vem sim ao médico. Eles encontram dificuldade (alguns reclamam) em relação ao acesso a tratamento, o que faz com que muitos desistam. Os hospitais hoje estão mais direcionados a saúde feminina do que a saúde masculina. Aproveito até para fazer um apelo ao poder público que aumente o número de hospitais que estão direcionados para a saúde masculina”, explicou a urologista.

(Foto: Flávio Chocolate/Rádio Notícia Maranhão)

“Eu acho que a importância da campanha é a informação porque prevenindo se consegue na grande maioria das vezes detectar câncer em estágios precoces como câncer de próstata. O foco da campanha em si são os atendimentos dos pacientes entre 45 e 50 anos para triagem do câncer de próstata, que quando é descoberto no início tem grande chance de cura. Por ser uma doença normalmente assintomática, o homem não sente nada, então ele não procura o médico. Daí a importância de se previnir, e sabendo desse comportamento, a gente sempre orienta a virem fazer esse diagnóstico precoce e curativo, afirmou Patrícia Canelas.

A ação teve ainda serviços na área da Atenção Básica à saúde, consultas com especialistas, emissão do cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), Caravana do Empreender, oficinas laborais, Feira do Produtor, orientações sobre bolsa escola e bolsa família, entre outras atividades. Contou também com serviços na área de odontologia, com restauração e extração. Na oportunidade, o poder público municipal realizou abordagens educativas com orientações e formas de prevenção de doenças como tuberculose e câncer de próstata e pênis.

O programa conta com um banco de consultas que podem ser agendadas durante a programação do ‘Todos por São Luís’. Os pacientes que, por conta da demanda, não foram atendidos durante a ação no CEM do Filipinho, foram cadastrados nesse banco de consultas e aqueles com solicitações de exames de imagem foram encaminhados para o Hospital da Mulher.

Ainda na área da saúde também foram oferecidos serviços de nutrição e fisioterapia. Além do atendimento especializado, na assistência básica foram realizados aferição de pressão e glicemia, testes rápidos para detecção de doenças como sífilis, AIDS e hepatites. A distribuição de preservativos para prevenir doenças sexualmente transmissíveis também foi realizada durante a ação.

 

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *