15 de junho de 2021

São Luís: título de Patrimônio Mundial da Humanidade completa 20 anos

 São Luís: título de Patrimônio Mundial da Humanidade completa 20 anos
(Foto: Reprodução)

Concedido a São Luís pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e a Cultura (UNESCO) em 6 de dezembro de 1997 em Nápoles, na Itália, o  título de Patrimônio Mundial da Humanidade completa nesta quarta-feira (06), 20 anos.

Aos eus 405 anos de história e composto por casarões seculares revestidos por azulejos portugueses, o conjunto arquitetônico do Centro Histórico de São Luís reúne um acervo com mais de mil prédios construídos entre os séculos XVIII e XIX, tombados pelo patrimônio federal.

Colonizada por portugueses, São Luís nasceu moderna. Teve sua planta desenhada no século 17 e inspirada pelo urbanismo espanhol. A garantia do título de Patrimônio Mundial da Humanidade se deu devido as suas peculiaridades únicas, como os traçados lineares nas ruas com desenhos geométricos e quadras bem desenhadas.

(Foto: Reprodução)

Por um ano a capital maranhense foi avaliada sigilosamente  por especialistas enviados pela UNESCO. Após uma série de avaliações, o título foi concedido a São Luís.

Entretanto, muitas obras de revitalização foram realizadas no Centro Histórico desde a concessão do título, mas um longo caminho ainda deve ser percorrido, porque muitos casarões históricos estão abandonados, faltando valorização e cuidado. 

Segundo o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) há diversos projetos de revitalização em andamento, em parceria com os governos estaduais e municipais, por meio do programa ‘PAC – Cidades Históricas’.

Comemoração

Edição especial do Serenata Histórica foi realizada em comemoração ao título (Foto: Divulgação)

Os 20 anos do título de Patrimônio Mundial a São Luís foi comemorado com uma serenata especial realizadas pelas ruas da capital, guiada por personagens históricos. O público presente pode revisitar a história da concessão do título.

O evento teve início na Praça Benedito Leite, no Centro.

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *