8 de maio de 2021

São Luís registra queda de 20,5% nos chamados Crimes Violentos

 São Luís registra queda de 20,5% nos chamados Crimes Violentos
(Foto: Ilustração)

Os dados do 11º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgado nesta segunda-feira (30), informou que o Maranhão teve crescimento de 2% entre os anos de 2015 e 2016 no número de mortes violentas intencionais. Esse percentual é equivalente a 62 casos registrados em 2016 (2.342 casos) se comparado aos dados de 2015, que foi de 2.280 mortes.

Em relação ao índice por capital brasileira, os dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública aponta que São Luís teve queda de 20,5% nos chamados Crimes Violentos Letais Intencionais ocorridos entre os anos de 2015 e 2016.

De acordo com o estudo feito em todo o Brasil, São Luís teve a quarta maior redução entre todas as capitais do Brasil. Além disso, outras 12 capitais tiveram aumento no índice desses crimes.

Esses crimes incluem homicídio doloso, lesão corporal seguida de morte e latrocínio (roubo seguido de morte). Houve queda em todos os índices.

São Luís também destoou da média nacional, que teve alta de 3,8% nesses crimes entre 2015 e 2016. De acordo com levantamentos, os homicídios na capital maranhense caíram 15,4%. A lesão corporal seguida de morte diminuiu 63,9%. Os latrocínios tiveram redução de 52,5%.

O Anuário Brasileiro de Segurança Pública é uma publicação do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Desde 2015, o Maranhão vem investindo fortemente em Segurança Pública, atingindo o recorde de 12 mil policiais no Estado. Já foram entregues mais de 830 viaturas, delegacias vêm sendo construídas e reformas e as forças de inteligência têm sido equipadas e valorizadas.

Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), neste ano já foram registrados 440 ocorrências de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) na área da Grande São Luís, que abrange a capital maranhense e os municípios de São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar.

Apenas 400 casos são de homicídios dolosos, já 19 foram resultado de roubo seguido de morte e 18 de lesão corporal seguida de morte.

Ainda segundo estatísticas da SSP-MA, entre os meses de setembro e outubro, o número de CVLIs aumentou de 34 para 54.

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *