28 de julho de 2021

Sampaio busca o bi da Série C

 Sampaio busca o bi da Série C
Sampaio empatou em 1 a 1 com o Volta Redonda e garantiu a volta à série B. (Foto: Divulgação)

O Sampaio Corrêa está de volta à Série B do Campeonato Brasileiro. No sábado, o Tricolor recebeu o Volta Redonda, no Estádio Castelão lotado, no jogo de volta das quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série C, e segurou um empate por 1 x 1. Como havia vencido a partida de ida, no Rio de Janeiro, por 1 x 0, a Bolívia Querida aproveitou-se do placar agregado e pôde comemorar o acesso à segunda divisão, um ano após o rebaixamento.

Principal objetivo do Sampaio, o acesso foi conquistado, mas a Série C continua, a equipe ainda segue em busca do bicampeonato, título que já conquistou uma vez no ano de 1997. A Bolívia Querida encara na semifinal o Fortaleza, que apesar de ter perdido por 1 x 0 para o Tupi, na noite de sábado, no Estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora, para enfrentar o Tupi, se classificou para semifinal, porque venceu o jogo de ida por 2 x 0.

O primeiro jogo da semifinal entre Fortaleza e Sampaio será realizado no Ceará e o segundo no Maranhão porque o Tubarão tem melhor campanha. As datas dos dois duelos ainda serão definidas pela CBF.

A partida teve um primeiro tempo equilibrado, com chances para as duas equipes, mas sem gols. Com isso, todas as emoções ficaram para a etapa final, com a decisão do resultado somente nos últimos minutos.

Ofensivo
Precisando do resultado, o Volta Redonda adotou uma postura muito ofensiva desde o começo do jogo. O time, porém, conseguiu fazer mais e dominou parte da partida com muita pressão. Aos 13 minutos, boa arrancada pela esquerda resultou em cruzamento que passou por toda a zaga. Luã Lúcio chegou para completar como podia, mas não conseguiu finalizar muito bem.

O Sampaio, quando estava com a posse de bola, tentava administrar o ritmo do jogo trocando passes curtos e aproveitando bem os espaços do adversários nos contra-ataques. Aos 15 minutos, Daniel chutou na pequena área, mas o goleiro estava bem posicionado e apenas fez a parede e jogou a bola para escanteio.

A partir dos 20 minutos, o Volta Redonda seguiu tomando as principais iniciativas com o risco de deixar espaços na zaga. Aos 21 minutos, após cobrança de escanteio, a bola passou pelo goleiro, mas ninguém completou.

Aos 32 minutos, foi a vez do Sampaio chegar com muito perigo ainda na primeira etapa. Felipe Marques foi mais rápido do que a zaga e ficou cara a cara com o goleiro. Na hora do chute, apesar de forte, foi mais alto do que o imaginado, perdendo excelente oportunidade.

Na volta do intervalo, o Volta Redonda ficou ainda mais pressionado e começou a jogar contra o tempo. O cenário do jogo continuou igual: o Voltaço buscava mais o jogo, mas deixava espaços na marcação, que eram muito bem aproveitados pelo time da casa. Aos 19 minutos, por exemplo, Felipe Marques, de novo, quase abre o placar, mas a bola foi interceptada pelo zagueiro Luan.

O jogo continuou movimentado, mas o gol não saia. A cada minuto, o time carioca se jogava mais no ataque e foi perdendo a organização. Os espaços, naturalmente já deixados por causa da postura ofensiva, ficaram maiores. O Sampaio Corrêa, tranquilo e com o apoio da torcida, esperava o momento certo para dar o bote e achar o gol que definiria sua situação.

Placar
O Sampaio abriu o placar somente aos 36 minutos do segundo tempo. Marlon recebeu em profundidade em contra-ataque e cruzou para a área. Lá estava Fernando Sobral, que apenas completou para a rede para abrir o placar e ampliar a vantagem diante da equipe carioca, que precisava da virada para se classificar.

O Volta Redonda ainda fez parte do trabalho e conseguiu o empate. Aos 41 minutos, o zagueiro Luan aproveitou cobrança de escanteio de Dija no segundo pau e subiu mais alto que os marcadores para deixar tudo igual.

A equipe carioca ainda teve chances para sair com a classificação, como em finalização de Isaque defendida por Andrey aos 43 minutos do segundo tempo. Apesar das oportunidades, o Sampaio Corrêa conseguiu segurar o empate e garantir a vaga na Série B, para delírio da sua torcida.

O árbitro ainda deu quatro minutos de acréscimos, mas o Sampaio soube usar a experiência e começou a trocar passes do meio-campo para a frente para passar o tempo. Quando a bola chegava na zaga, os jogadores não pensavam duas vezes antes de dar um chutão. Apesar do esforço do Voltaço, com direito ao goleiro ir para a grande área para o escanteio no último lance, o placar continuou igual até o apito final.

A segunda-feira também será de folga para equipe do Sampaio, que se reapresenta somente amanhã, à tarde, no CT José Carlos Macieira, quando dará início a sua preparação para a primeira partida da semifinal da Série C contra o Fortaleza

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *