20 de abril de 2021

Projeto leva tambor de crioula para escolas

 Projeto leva tambor de crioula para escolas

(Foto: divulgação)

(Foto: divulgação)

Reconhecido como Patrimônio Imaterial do Brasil, o tambor de crioula é uma expressão cultural com descendência africana considerada um referencial de identidade e resistência cultural dos negros, que envolve dança circular, canto e percussão de tambores.

Como forma de valorizar este que é um dos maiores bens culturais do Maranhão, a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult) e Secretaria Municipal de Educação (Semed), em parceria com o Comitê Gestor de Salvaguarda do Tambor de Crioula e apoio do Conselho Municipal de Cultura (Comcult), abriram nesta quarta-feira (9) o projeto Punga de Saberes.

A primeira escola a receber as oficinas foi a U.E.B Ministro Mário Andreazza, no bairro da Liberdade, com atividades ministradas pelo Mestre Marcelo Silva, com a carga horária de 8h. Os estudantes puderam aprender sobre o que é a manifestação, o nome de cada instrumento usado, o papel de cada um na roda e fizeram a experiência de tocar a parelha e algumas toadas, além de esquentar o couro dos tambores.

O projeto, aprovado no Edital Nacional para Bens Registrados do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), visa apoiar e fomentar o tambor de crioula, através de ações educativas, de formação e de transmissão de saberes tradicionais, disseminando essa manifestação cultural.

Ao todo, serão atendidas 10 escolas da rede municipal de ensino, além de 60 professores e coordenadores pedagógicos e ainda três comunidades (Fé em Deus, Bairro de Fátima e Taim), com o Circuito Saber Fazer Cultural.

0 Reviews