9 de maio de 2021

Fora da Série C, Sampaio agora começa projetar nova temporada

 Fora da Série C, Sampaio agora começa projetar nova temporada

(Foto: Reprodução/ Elias Auê)

(Foto: Reprodução/ Elias Auê)

Após empatar com o Fortaleza em 2×2, o sonho de chegar à final da Série C chegou ao fim. A temporada foi encerrada de forma positiva, pois a vaga está garantida na segunda divisão do futebol nacional em 2018, e o planejamento para que o próximo ano seja também exitoso já começou.

O confronto

Em desvantagem no confronto, era óbvio que o Sampaio Corrêa iria tomar a iniciativa do jogo, e assim foi feito. O Tricolor tinha a bola e o domínio territorial, sem conseguir achar um clarão na defesa adversária.

Acomodado com o placar, o Fortaleza armava duas linhas de cinco e aguardava a hora certa para tentar encaixar um contra-ataque, que pouco foi oferecido.

Era um jogo de detalhes, como toda decisão receita, e o Fortaleza soube se aproveitar de uma bola parada para abrir o placar.

A desvantagem aumentou, e o Sampaio passou a precisar de três gols para avançar à finalíssima. A Bolívia ainda tentou descontar o prejuízo antes do término da primeira etapa, sem êxito. Restavam 45 minutos para tentar a reação.

A única alternativa era atacar, agredir, tentar acuar o Fortaleza no campo de defesa em busca do primeiro gol, ele veio em uma cobrança de pênalti. Marlon não desperdiçou. A torcida no Castelão se animou.

Restavam dois gols, e o Sampaio foi pra cima, com tudo. O adversário se defendia de todas as maneiras, mas não conseguiu evitar a virada boliviana. Escanteio cobrado por Wellington Rato, o goleiro não conseguiu afastar, e Isac empurrou para as redes. O Castelão incendiou.

A final dependia de um gol, e o Tricolor abriu a guarda de vez. Foi em busca do terceiro, na raça, e acabou levando um contra-ataque fatal, que resultou em penalidade. Estava decretada a igualdade e o fim da partida.

O sonho do tetracampeonato foi adiado, mas o acesso veio. 2018 será mais um ano de lutas para o Sampaio Corrêa. A missão foi cumprida.

Ficha Tricolor

Alex Alves, Pedro Costa, Marcás, Odair e Esquerdinha; Valderrama, Diego Silva, Marlon e Hiltinho (Isac); Reginaldo Júnior (Wellington Rato) e Uilliam (Felipe Marques).

Fonte: Ascom/Sampaio

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *