9 de maio de 2021

Faculdades vão solucionar falhas nos serviços

 Faculdades vão solucionar falhas nos serviços
(Foto: Divulgação)

O Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (PROCON/MA) realizou acordo com instituições de ensino superior Pitágoras e Estácio para solucionar falhas nos serviços prestados apontados por alunos das faculdades.

No acordo, firmado durante reunião realizada na última segunda-feira (04), no PROCON do São Francisco, as instituições se comprometeram a apresentar um planejamento de curto, médio e longo prazo para a solução dos problemas denunciados pelos estudantes das faculdades. O PROCON/MA esteve também in loco nas faculdades para coletar mais informações e provas para as investigações.

A Faculdade Pitágoras se comprometeu a melhorar a infraestrutura, com ampliação e reformas dos laboratórios, pintura e reforma do Campus, revitalização da área de tecnologia da informação; com relação à segurança, realizar instalação de catracas. No que diz respeito à atenção ao aluno, a faculdade irá ampliar a área de atendimento, junto com a secretaria acadêmica, ampliará, também, o acesso ao Wi-Fi, e comprará mais livros para a biblioteca.

Já a Faculdade Estácio, como compromisso, se prontificou a instalar catracas eletrônicas, elevadores, para melhoria da acessibilidade; melhorar a comunicação com os alunos, no que diz respeito às mudanças nas disciplinas presenciais e a distância, inclusive com a participação dos alunos no processo de alteração.

De acordo com o presidente do PROCON/MA, Duarte Júnior, um dialogo foi mantido com as instituições de ensino a fim de resolver da melhor forma possível os problemas na prestação de serviços e garantir todos os direitos de um serviço de qualidade para os alunos.“Buscamos, por meio do diálogo com as faculdades, uma forma de solucionar todas as denúncias que nos foram apresentadas no dia em que realizamos a audiência pública. Contudo, acreditamos que não basta apenas ouvir, fomos ver de perto, em que situação as faculdades se encontravam, para coletar mais informações e provas para maior e melhor instrução de nossas investigações. Nossa prioridade é garantir ensino de qualidade, coibindo práticas abusivas ou qualquer ato que dê ensejo a mercantilização desse serviço”, garantiu o presidente do PROCON/MA, Duarte Júnior.

A atuação das faculdades será acompanhando de perto pelo PROCON/MA  para que todos os problemas apresentados sejam realmente solucionados. Em caso de as reclamações ainda persistirem, o consumidor pode formalizar denúncia por meio do site, aplicativo ou em qualquer unidade física do Órgão.

0 Reviews