15 de junho de 2021

Ex-vice-presidente argentino é preso por corrupção

 Ex-vice-presidente argentino é preso por corrupção

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Amado Boudou, ex-vice-presidente da Argentina, foi preso nesta sexta-feira (03) em Buenos Aires, acusado de enriquecimento ilícito e lavagem de dinheiro, segundo informam veículos locais. O político é a segunda grande liderança da ex-presidente Cristina Kirchner, de quem foi o número 2 entre 2011 e 2015, preso nos últimos dias.

A polícia prendeu Boudou e seu sócio José Maria de Nuñez Carmona em Porto Madero, bairro de classe alta da capital argentina, por suspeitas de corrupção. As acusações dizem respeito ao período no qual ele ocupou o cargo de ministro da Economia entre 2009 e 2011, no primeiro mandato de Kirchner.

O ex-ministro do Planejamento de Cristina Kirchner, Julio De Vido, foi preso no dia 25 de outubro, também acusado de corrupção. A ex-presidente, por sua vez, foi formalmente acusada de lavagem de dinheiro em abril.

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *