31 de julho de 2021

Corinthians recebe ‘ajuda’, Fla sai do G6 e São Paulo deixa degola

 Corinthians recebe ‘ajuda’, Fla sai do G6 e São Paulo deixa degola

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A abertura do returno do Campeonato Brasileiro foi bom para um clube que nem entrou em campo: o Corinthians. Como o duelo contra a Chapecoense foi adiado, o Timão viu pela televisão os sete jogos disputados neste domingo e pode ver o Grêmio, seu maior rival na corrida pelo título, perder para o Botafogo.

Na outra ponta da tabela, o São Paulo venceu na raça e deixou a zona de rebaixamento. O Flamengo, por sua vez, perdeu a terceira seguida e saiu da zona de classificação para a Libertadores.

Para comemorar, Timão?

No dia que Jair Ventura completou um ano como treinador, um bonito gol de Leandrinho, Gatito Fernández inspirado pegando até pênalti e um time organizado mesmo poupando titulares. Com estes ingredientes, o Botafogo venceu o Grêmio por 1 a 0, no Estádio Nilton Santos, e chegou a 28 pontos no Campeonato Brasileiro!

O resultado também foi bom para o Corinthians, já que o Grêmio, vice-líder do Brasileirão, não conseguiu aproveitar a folga do rival para diminuir a diferença de pontos, que segue em oito (47 a 39).

Reação?

Com mais de 56 mil torcedores lotando o Morumbi, em novo recordo de público do Campeonato Brasileiro, o São Paulo conquistou vitória emocionante por 3 a 2 sobre o Cruzeiro e deixou, pelo menos momentaneamente, a zona do rebaixamento.

O resultado levou o time paulista à 16ª posição com 22 pontos, ultrapassando a Chapecoense, que folga na rodada e tem a mesma pontuação, mas um saldo de gols inferior. O Cruzeiro, com 27 pontos, é o sétimo colocado e perdeu a oportunidade de entrar no G6 na rodada.

Crise?

O Atlético-MG se recuperou da frustrante eliminação na Copa Libertadores para o modesto Jorge Wilstermann-BOL ao vencer o Flamengo na tarde deste domingo, por 2 a 0, na Arena Independência

Acertado com o Rubro Negro carioca para substituir Zé Ricardo, o colombiano Reinaldo Rueda esteve acompanhando o confronto nas tribunas, enquanto Jayme de Almeida esteve frente ao banco de reservas.

Reabilitado após duas derrotas seguidas, o Atlético-MG chegou aos 26 pontos e está na zona intermediária da tabela de classificação. Enquanto isso, o Flamengo chegou ao terceiro jogo sem vitória e caiu para a sexta colocação, com 29 pontos.

Quem segura?

O Atlético-PR emplacou a quarta vitória seguida e entrou no grupo de classificação para a fase preliminar da Libertadores de 2018. Em jogo movimentado, o time paranaense goleou o Bahia, por 4 a 1, na noite deste domingo, na Arena da Baixada, em Curitiba.

Em ascensão na classificação, o Atlético saltou para a sexta colocação, com 29 pontos. Hoje, estaria garantida na fase preliminar da Libertadores. Tem quatro pontos a menos que o Palmeiras, quarto colocado e último garantido à fase de grupos.

Em compensação, o Bahia continua ameaçado pelo rebaixamento. Agora, o time tricolor está na 15.ª posição, com 23 pontos. Apenas um a mais que a Chapecoense, a primeira na degola e que ainda tem um jogo a menos – o duelo contra o Corinthians foi adiado para 23 de agosto.

Tudo igual

Na prévia de um dos confrontos das oitavas-de-final da Copa Sul-Americana, Sport e Ponte Preta empataram sem gols, na tarde deste domingo, na Ilha do Retiro, em Recife. Os donos da casa pressionaram, mas esbarraram na forte marcação da Macaca.

Considerando a classificação, o resultado foi ruim para ambos. O Leão da Ilha perdeu a chance de se aproximar dos times do G4. Agora, ocupa a quinta colocação, com 29 pontos. Quatro a menos que o quarto colocado Palmeiras.

Terceiro zero a zero seguido

A Ponte, por sua vez, emplacou o terceiro empate sem gols consecutivo e continua nas proximidades da zona de rebaixamento, com 24 pontos. Está dois acima da Chapecoense, a primeira na degola e que ainda tem um jogo a menos.

A intenção do Palmeiras de se recuperar após dar adeus à Copa Libertadores ficou frustrada por uma atuação fraca e um gol sofrido no fim. Em Volta Redonda (RJ), no estádio Raulino de Oliveira,o time fez um jogo fraco tecnicamente contra o Vasco, empatou em 1 a 1 neste domingo e esfriou a arrancada desejada para reagir e confirmar vaga na competição continental do próximo ano.

A partida de muitos erros dos times marcou o encontro de um Palmeiras desfalcado e abalado pela queda na Copa Libertadores contra um Vasco que passou os três últimos jogos sem marcar gols. O pouco de emoção e intensidade ficou somente para o fim, após as equipes terem superado as próprias limitações e marcado gols.

Do Futebol Interior

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *