15 de junho de 2021

“A condição financeira foi nosso pior adversário”, diz diretor do Moto Club

 “A condição financeira foi nosso pior adversário”, diz diretor do Moto Club
Diretor de Marketing do Moto Club, Gutemberg Silva, em entrevista ao programa ‘Na Hora’ (Foto: Verislene Alves)

O Moto Club completou 80 anos e viveu em 2017, um dos anos mais complicados da história. Os resultados não foram bons em nenhuma das quatro competições que o time profissional disputou neste ano. Um das poucas alegrias foi a conquista do título do Campeonato Maranhense Sub-19

No Campeonato Maranhense, o clube só conseguiu, como melhor resultado, chegar à seminal do segundo turno, onde foi eliminado pelo Sampaio Correa. O Papão não passou da primeira fase da Copa do Brasil, perdendo em casa para o São Paulo. Na Copa do Nordeste, ficou na última colocação do Grupo B, somando apenas dois pontos. Para finalizar a série de vexames, o Moto ainda foi rebaixado para Série D do Campeonato Brasileiro, após uma campanha apática na terceira divisão.

Em entrevista concedida ao programa ‘Na Hora’, que vai ao ar de segunda à sexta-feira, das 13h às 14h, na Rádio 93.3FM, o diretor de Marketing do Moto Club, Gutemberg Silva, falou que o fator financeiro foi o pior adversário do clube nesta temporada. “Havia uma folha de pagamento e uma série de compromissos para cumprir com o elenco, além do pagamento de outros funcionários. Faltou verba e isso se refletiu na atuação dos atletas dentro de campo”, disse o diretor.

Sobre a suposta entrega do Sampaio para o Botafogo-PB no último jogo da fase classificatória da Série C, Gutemberg declarou que os times não podem fazer o papel de torcidas. Cada time dever agir com seriedade e não permitir jamais que nenhuma provocações como essas sejam divulgadas. “O Moto só dependia de si mesmo para continuar no campeonato e não ser rebaixado. Em algumas partidas que estávamos vencendo, cedemos o empate ou até mesmo a derrota nos minutos finais. Se os bons resultados fossem concretizados, o time permaneceria na Série C”, afirmou.

Com o objetivo de reorganizar o time e se preparar para temporada do ano que vem, o Papão antecipou as eleições presidenciais para o mês de outubro. Segundo o diretor Gutemberg, o presidente Célio Sérgio deve disputar a reeleição, mas outras pessoas podem se candidatar, se estiverem em conformidade do o regulamento.

No próximo ano, a equipe sub-19 vai disputar a Copa do Nordeste e a Copa São Paulo de Futebol Júnior. O time principal terá pela frente o Campeonato Maranhense e vai tentar o acesso para novamente para Série C, disputando a quarta divisão do Campeonato Brasileiro.

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *