16 de maio de 2021

Bloco da Imprensa anima a Praia Grande

 Bloco da Imprensa anima a Praia Grande
Profissionais da imprensa se reúnem no pré-Carnaval da Praia Grande (Foto: Divulgação / Ismael Araújo)

Centenas de pessoas foram à Praia Grande durante a noite do sábado, 27, para participarem da 20º edição do Bloco da Imprensa, que teve como tema este ano “Questão de Gênero, Número e Grau”. Na noite da próxima sexta-feira, 2, a coordenação do bloco vai promover aos profissionais da comunicação e convidados o “Baile da Imprensa, que vai ocorrer na Casa do Maranhão, localizada no Centro Histórico.

Os foliões começaram a chegar ao ponto de concentração do bloco ainda no final da tarde de sábado, 27. Alguns vieram fantasiados como homem-aranha, branca de neve, marinheiro, empregada do lar, presidiários e muitos foliões preferiram usar apenas uma máscara. “Ano passado, eu estava utilizando uma fantasia do super-homem, mas, neste ano, estou usando apenas a máscara do gatinho”, declarou o universitário Marcio Linhares.

O tambor de crioula do mestre Apolônio foi uma das primeiras programações que fez a alegria dos foliões e, logo após, o bloco tradicional os Feras sacudiu o público. Mesmo com a forte chuva que ocorreu durante a apresentação do Marabloco não esfriou o clima de alegria do local. Ainda nessa noite, os foliões olharam a apresentação da bateria da escola de samba da Turma do Quinto, do cantor Gabriel Melônio e fechou a programação com a presença do bloco da Bandida.

Segundo um dos coordenadores do Bloco da Imprensa, Joel Jacinto, a brincadeira é justamente essa mistura de ritmos e mostrar a diversidade cultural que é o carnaval maranhense. “A programação teve show de cantores da Ilha, samba, pagode, axé e dentre outros ritmos”, disse Joel Jacinto.

Ele ainda informou que na próxima sexta-feira, 2, os profissionais da mídia poderão participar do Baile da Imprensa e vai ser animado pelos bloco tradicional Tremendão, Vagabundo do Jegue, Bicho Terra e outras atrações. “Os colegas da imprensa e os convidados terão acesso ao baile por meio de uma pulseira que vai ser distribuída na entrada da festa”, explicou Joel.

O jornalista Samartone Martins disse que esse bloco é uma das formas de encontrar os amigos da comunicação, diversão e também acaba aproximando a imprensa da comunidade. “Nesse evento encontramos os colegas de trabalho, divertimos, pois, durante o período de Carnaval estamos trabalhando”, declarou Samartone Martins.

Já o professor de Biologia, Ronald Pereira, disse que veio prestigiar a prévia carnavalesca da Ilha. “Os eventos antecedentes do Carnaval possuem uma programação bem diversificada e organizada, pois, não tem como não prestigiar”, declarou o educador.

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *