31 de julho de 2021

10 carros clonados foram apreendidos em Colinas (MA)

 10 carros clonados foram apreendidos em Colinas (MA)
Carros apreendidos durante a operação (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil do Maranhão, por intermédio da Delegacia de Colinas/MA, sob o comando do Delegado Rildo Portela, juntamente com a PRF de Caxias/MA, apreenderam 10 carros clonados na cidade de Colinas.

Todos os veículos foram vendidos pelo corretor de carros conhecido por Ferreirinha, que está foragido da Justiça em razão de existir um mandado de prisão preventiva contra ele.

Os carros apreendidos (carros de passeio, caminhonetes e caminhões) foram avaliados em cerca de R$ 1.500.000 (um milhão e quinhentos mil reais) estão aguardando perícia do ICRIM/MA para que possam ser restituídos aos seus legítimos proprietários.

(Foto: Reprodução)

A princípio os carros são provenientes de uma organização criminosa que atua em várias Estados da Federação, e que tem uma célula da quadrilha localizada na Cidade de Imperatriz/MA, de onde eram enviados os veículos clonados para ser revendidos pelo corretor Ferrerinha.

Todas as pessoas que compraram os carros clonados pagaram o preço de mercado, ou seja, são vítimas desse esquema criminoso que supostamente conta com a ajuda de servidores do próprio DETRAN.

(Foto: Reprodução)

Prevenção

Para se prevenir de situações como essa, há várias dicas. A primeira delas é verificar o histórico do carro no momento da compra, principalmente se ela for feita através de um vendedor particular, quando a procedência é menos confiável. Essa consulta pode ser feita por meio de despachantes ou do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Qualquer tipo de irregularidade na documentação e nos registros do veículo é suficiente para ficar com um pé atrás. O ideal é adquirir um automóvel completamente livre de ilegalidades.

Levar o carro para fazer seguro também é uma boa alternativa, devido à avaliação rigorosa do automóvel que as seguradoras fazem ao procurar irregularidades. Detectado o problema, muitas vezes, ainda dá tempo de devolver o carro.

Outra dica interessante é personalizar o seu automóvel com pequenas marcas, como, por exemplo, adesivos. O ´enfeite´ poderá servir para diferenciar o seu carro da cópia, facilitando o trabalho da Polícia e ajudando a provar sua inocência.

Apesar de todas essas manobras recomendas para evitar maiores problemas, a vulnerabilidade dos carros é enorme. Para clonar um veículo, o procedimento é muito simples. O criminoso precisa, apenas, ver o automóvel na rua, anotar o número da placa e sua cor, e, através do Detran, consegue ter acesso a todas as outras informações, como o número do chassi e o Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam). A partir daí, roubam um carro do mesmo modelo, pintam para ficar da mesma cor, produzem um placa igual, instalam no veículo e registram o número de chassi nas partes indicadas: motor, vidro e carroceria.

 

0 Reviews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *